Search
  • Camila, @BrasileirasdoMundo

Camila Pires, Inglaterra 🏴󠁧󠁢󠁥󠁮󠁧󠁿



Brasileiras do Mundo: Quando e por que você decidiu morar no exterior?


Camila: Decidi morar fora no ano de 2017. Meu sonho inicial era de morar em Barcelona, na Espanha, mas quando comecei a procurar empregos por lá vi que a maioria das oportunidades precisavam de alguém que falasse o inglês. Meu inglês era péssimo, não tinha nem o básico e muito menos dinheiro para pagar um cursinho.

Comecei a estudar sozinha, através de videos gratuitos na internet. Fiz isso durante 6 meses mas ainda assim meu inglês era bem básico! Foi quando eu decidi ir pra um país que falasse a língua para que eu pudesse praticar o suficiente e depois ir pra Espanha.

Como eu não conhecia ninguém na Inglaterra, busquei emprego de babá - pra ter pelo menos casa, comida e trabalho garantido quando chegasse. Usei o site AuPairWorld para buscar famílias na Inglaterra. Em uma semana encontrei uma família em Manchester e depois de conversas por Skype e WhatsApp (tudo usando o google tradutor) decidimos fechar. Comprei minha passagem para 2 semanas depois!



BDM: Quais as maiores dificuldades que você encontrou no seu país de destino?

Eu não desisti, o meu sonho era maior do que a dificuldade.

C: A maior dificuldade inicialmente era o medo de estar em um país do outro lado do oceano, aprendendo na marra uma língua nova, longe de amigos e família. Na primeira semana me senti muito frustrada, eu estudei 6 meses com o sotaque de inglês americano e quando cheguei na Inglaterra o sotaque britânico me deu uma rasteira. Mas eu não desisti, o meu sonho era maior do que a dificuldade.


BDM: Do que mais sente saudade no Brasil?

C: Eu sinto mais saudade da minha família e dos meus migos, mas especialmente do meu cachorro! Os humanos entendem o porquê de você estar longe, já os animais simplesmente acham que você os abandonou. Meu cachorro mora com meu pai no Brasil e ele esteve na minha vida no momento mais difícil que passei, então isso me liga mais ainda a ele. Mas uma coisa que me alegra no quesito comida é que em Londres eu encontro todo tipo de comida do mundo, inclusive brasileira então disso não sinto falta de falta, até açaí tem aqui.

BDM: Quais são as coisas das quais você mais se orgulha?

C: Eu me orgulho de não ter desistido, de ter tido um foco desde o início. Mesmo sem dinheiro, sem dominar a língua e sem conhecer ninguém, eu não desisti do que eu tinha certeza que iria alcançar. Uma das minhas maiores felicidades é poder proporcionar a mim e minha família a chance de uma vida melhor, de ter a certeza que nada falta porque meu trabalho garante isso! Não tem preço.



BDM: Dicas para mulheres que pensam em sair do Brasil?

Se permita viver novas experiências em um país novo. Prove comidas diferentes, culturas diferentes, faça novas amizades!

C: A minha primeira dica é não esperar que o medo acabe para seguir seu sonho, coloca o medo na mala e vai! E também não olhar só para os problemas, pensar nas soluções, criar planos diferentes caso o plano A não saia como esperado. Às vezes quando algo dá errado é para te direcionar pra algo melhor ainda! Mas lembre que no exterior é você por você, muitas pessoas boas vão cruzar seu caminho e outras nem tanto.

Sempre guarde um dinheiro reserva, no início a gente quer comprar tudo que no Brasil é o olho da cara, mas a gente nunca sabe o que pode acontecer - então sempre tenha um pé de meia.

Por fim, se permita viver novas experiências em um país novo. Prove comidas diferentes, culturas diferentes, faça novas amizades, pague de turista mesmo e curta ao máximo essa experiência nova.


A Camila está no Instagram como @decah.prala.


* Todas as histórias publicadas aqui são reais e oferecidas pelas entrevistadas de forma voluntária. O Brasileiras do Mundo não se responsabiliza pelo conteúdo dos depoimentos.