• Camila, @BrasileirasdoMundo

Juliana Lima, Estados Unidos ūüáļūüáł



Brasileiras do Mundo: Quando e por que você decidiu morar no exterior?


Juliana: Eu já tinha vindo pra cá pra morar 3 meses em 2015 depois de um término bizarro de relacionamento. Vim fazer um curso de férias na minha área, criatividade. Antes disso, já tinha vindo de férias várias vezes, mas foi nessa vez em 2015 que decidi: é aqui que quero morar! Vim para tentar uma carreira internacional como redatora, e estou procurando por uma agência que possa ser meu sponsor. Trabalho home office com clientes aqui e no Brasil, escrevendo todo tipo de texto criativo que puderem imaginar.





BDM: Quais as maiores dificuldades que você encontrou no seu país de destino?


J: Bom, falando em trabalho, esse acho que √© um dos maiores desafios do brasileiro aqui: conseguir a autoriza√ß√£o para trabalhar legalmente na sua √°rea. Outra coisa √© ter que morar com roommates haha s√©rio, eu que morava sozinha no meu ap√™ colorido no Brasil, t√ī com o sonho de morar sozinha em terras americanas, porque √© cada treta em dividir casa que vou te contar viu!


Eu amo cada passo, cada perrengue, cada pessoa de um lugar diferente do mundo que conheço.

BDM: Quais são as coisas das quais você mais se orgulha?

J: Me orgulho de ter tido a coragem de largar uma vida boa pra trás pra me jogar nessa aventura que é construir uma vida em NYC. Eu amo cada passo, cada perrengue, cada pessoa de um lugar diferente do mundo que conheço, cada palavra que aumenta meu vocabulário. Tudo é um aprendizado! Ah, me orgulho do tanto que meu inglês aprimorou, agora posso falar que sou uma redatora bilíngue (trilíngue se me arriscar no espanhol!).


BDM: Três dicas para mulheres que pensam em sair do Brasil?

J: 1. Estejam abertas para tudo o que der e vier, pra se jogar em trabalhos que nunca fez, pra aprender coisas novas, pra descobrir até uma nova profissão que você ama!


2. Se planejem e juntem uma grana pra chegar aqui com uma reserva boa até se encontrar - financeiramente falando.


3 .Evitem morar/conviver apenas com brasileiros: não me julguem, amo o nosso povo, mas se você convive só com quem fala sua língua, deixa o inglês de lado. Então por experiência própria, tenha amigos (e flertes!) que falem inglês!


A Ju est√° no instagram como @juaraujolima.


* Todas as hist√≥rias publicadas aqui s√£o reais e oferecidas pelas entrevistadas de forma volunt√°ria. O Brasileiras do Mundo n√£o se responsabiliza pelo conte√ļdo dos depoimentos.